Cada cabelo é único. Isto exige de nós auto-observação, para identificarmos as características do nosso, e os cuidados específicos que ele requer.

Neste post vamos conversar sobre os principais tipos de condicionador disponíveis no mercado. Espero que lhe ajude a descobrir os que fazem mais sentido para o seu cabelo, e a fazer escolhas mais conscientes!

Bora lá?

 

Condicionador de uso diário/instantâneo

É um condicionador suave, com uma formulação básica, indicado para uso no dia a dia.

Muito bom para cabelos finos e/ou oleosos. Outros tipos de cabelo podem ter benefício com ele, pois pode ser associado aos demais condicionadores.

Fecha a cutícula aberta com a manipulação dos fios e uso prévio do shampoo, oferece hidratação e filme protetor moderados.

Dicas de uso:  como todos os condicionadores, evitar aplicar próximo ao couro cabeludo para não o deixar excessivamente oleoso. Ele já deve ter proteção suficiente do sebo natural produzido, bem como os primeiros centímetros dos fios próximos a ele.

 

Profundo ou restaurador

Condicionador mais pesado, rico em proteínas e gorduras, para ser utilizado espaçadamente a depender da necessidade dos seus fios (1x/semana, 1x/10 dias, ou na frequência que se mostrar mais benéfica para o seu cabelo).

Funciona bem para cabelos secos, e para os que passaram por procedimentos químicos ou foram danificados por outras causas. Não é aconselhado para cabelos oleosos.

Vale lembrar que este condicionador aumenta a hidratação, e oferece aos fios substâncias que mimetizam as que estão ausentes, tentando penetrar na cutícula e preencher os poros abertos. Porém, o produto não será definitivamente ligado ao fio, com as lavagens posteriores, ele será retirado.

Dicas de uso: aplicar após a lavagem do cabelo, ainda úmido, para melhor penetração dos ativos. Sempre alguns centímetros para baixo do couro cabeludo. Deixar por cerca de 15 a 30 minutos, de preferência com uma touca (pode ser uma de banho mesmo), ou conforme indicado no rótulo. Retirar com água.

 

Leave-in

De consistência mais suave e aquosa que os outros dois, normalmente não tem óleos pesados como emoliente, nem proteínas. Pode conter surfactante catiônico e silicones, para ajudar na formação da película lubrificante protetora, junto com os óleos leves e álcoois graxos. Pode ajudar no pentear e desembaraçar dos fios e tem função hidratante.

Útil para cabelos cacheados e crespos, e/ou secos e danificados. Pode ser usado diariamente, ou como melhor lhe convier. É leve e pode ficar nos fios até a próxima lavagem, não precisando ser retirado logo após a aplicação.

Dica de uso: evite aplicar no couro cabeludo.

 

2 em 1 e co-wash

Produtos que oferecem limpeza e condicionamento com um só procedimento.

O shampoo e condicionador 2 em 1 limpa com detergentes moderados e condiciona suavemente. Indicado para quem não precisa ou não gosta de muito condicionamento, ou prioriza praticidade.

O co-wash, ao contrário, condiciona moderadamente e limpa suavemente. Idealizado para cabelos cacheados e crespos, que são naturalmente mais secos no comprimento do fio, outros tipos de cabelos secos, e fios danificados. Tem surfactantes bem suaves, evitando ao máximo retirar o sebo natural protetor do cabelo. Possui também hidratantes, e emolientes leves a moderados. Não tem óleos ou silicones, já que não poderiam ser retirados com apenas com um detergente suave, e acumulariam no fio, comprometendo sua saúde e aparência. Utilizado isoladamente por adeptas da técnica no poo, ou em associação com outros produtos e técnicas visando o cuidado com o fio e o respeito à sua lubrificação natural.

 

Específicos

Hidratante, de proteínas, antioxidante e outros. Aqui há uma lista sem fim de outras propostas de condicionador, incluindo os caseiros. Vale lembrar que cada cabelo é um cabelo, e merece ser observado e tratado com carinho, ofertando a ele nutrientes que cuidam e fazem diferença no resultado.

 

Como falamos no post sobre composição básica de um condicionador, o cabelo é tecido morto, e sua estrutura só pode ser restaurada de forma definitiva na raiz. O que fazemos através dos cosméticos é reduzir os danos e cuidar da sua estética. Uma boa alimentação, uma ingesta adequada de água, um corpo e uma mente equilibrados fazem toda a diferença para este fio novo que está nascendo.

Para reduzir os danos dos fios velhos, e dar a eles toda a beleza que eles merecem, buscamos o equilíbrio adequado de água através de agentes hidratantes e umectantes, o fechamento e o selamento da cutícula para proteção da estrutura interna através de surfactantes catiônicos e emolientes, e a mimetização da sua estrutura danificada através de proteínas hidrolisadas e óleos leves que penetram suavemente nos poros da cutícula. Todos eles saem com a lavagem – o fio não tem capacidade de regeneração.

Então, cuide-se bem, conheça seus fios, leia atentamente os rótulos, acompanhe os resultados obtidos, e escolha seus produtos de forma consciente!

Beijão!

 

Referências:

https://www.naturallycurly.com/curlreading/home/whats-the-difference-between-co-wash-and-2-in-1-shampoo-conditioner

http://www.easyhaircaretips.com/3-major-types-conditioners-whats-difference/

http://www.nenonatural.com/hair-blog/5-types-of-conditioner-for-natural-hair-and-a-frizz-free-tip

Gavazzoni Dias MF. Hair cosmetics: an overview. Int J Trichology. 2015;7(1):2–15.

Draelos ZD. The Biology of Hair Care. Dermatol Clin. 20000;18(4):651–8.